Índice de Notícias

Cães
Gatos
Todos
Translate
Traducir
Temas Pet
Boletim Eletrônico - N° 1515 - #3
-
Animal Manager, essencial para os negócio.
Cerca de 40 mil cães estão sem um lar em Presidente Prudente, diz CCZ
Segundo OMS, em todo o país são 30 milhões de animais abandonados. 
Hospital e paróquia buscam ajudar bichos vítimas de maus tratos.

Em Presidente Prudente, são cerca de 40 mil cães abandonados, de acordo com o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), muitos deles vítimas de maus tratos. A fim de mudar esta situação, algumas pessoas tentam ajudar, seja por meio de ações voluntárias ou através de canis de organizações não governamentais.

É o caso da advogada Liamar Melo, que fez de sua casa um lar temporário para vários cachorros. Muitos estavam doentes ou machucados, segundo ela. “Todos chegaram em estado deplorável, muito feios. Uns com sarnas e doenças, principalmente a do carrapato, que é muito comum”, contou.

Também com a intenção de ajudar a melhorar essa situação, um projeto chamado “Arca de Noé”, desenvolvido pela Pastoral de Proteção aos Animais São Francisco de Assis, da Paróquia Nossa Senhora do Carmo, é realizado no município.

Os animais que são atendidos pela ação recebem tratamento veterinário por meio de um convênio firmado entre um hospital de uma Universidade e a paróquia. O objetivo é deixá-los saudáveis para serem adotados, conforme o coordenador do projeto, Yudiney Pereira da Motta.

“A pastoral recolhe esses animais que são abandonados, que estão sendo vítimas de maus tratos ou de proprietários carentes e trazem para o hospital. Aqueles que precisam de tratamento, nós fazemos o atendimento clínico e os deixamos aptos para serem adotados ou voltarem para seus lares”, informou.

Os números não são grandes apenas no Oeste Paulista e atinge todo o país. No Brasil, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), são mais de 30 milhões de animais sem um lar.

Uma forma encontrada para reduzir o número de abandono é a castração de cães e gatos. O serviço varia entre R$ 50 e R$ 600, em clínicas particulares, dependendo da raça, sexo e tamanho dos animais. Porém, algumas famílias podem ter acesso ao atendimento gratuito.

O CCZ oferece a castração sem custos para aqueles que estejam cadastrados no programa do Governo Federal “Bolsa Família”. Para requerer o atendimento, os interessados podem ligar para o (18) 3905-4220 ou ir até a unidade, que fica na Rua Presidente Castelo Branco, nº 93.

O Hospital Veterinário também faz a cirurgia, mas é preciso custear exames e atendimento. São R$ 30 da consulta, mais o exame de sangue por R$ 16. Após a constatação de boa saúde do animal, a operação pode ser marcada e o valor varia entre R$ 120 e R$ 250.\


- Temas Pet é enviado a pessoas cadastradas ou indicadas. Se não deseja recebê-lo, ou considere que foi cadastrado indevidamente descadastre-se aqui